Vírus, trojan, worm – Quem é quem?





Todos visam explorar alguma falha ou defeito do sistema, mas são conceitualmente diferentes.


          Tão velha quanto a ideia da ciência da computação, os vírus vem sendo pensados e produzidos, quase como a sombra que a luz gera, isso pelo fato que nenhum sistema é perfeito ou a prova de falhas, e desde que isso ocorre, alguém vai querer usar disso para obter alguma vantagem.


Screen do Cascade, um tipo de vírus de Boot

O “bom” e velho vírus.

Foram os primeiros a serem criados, e por algumas décadas englobou genericamente a classe de programas que servem para “dar Trabalho” aos administradores de sistema. Podemos caracterizar os virus como programas ou códigos que exploram alguma vulnerabilidade do sistema operacional, ou modificam dados na memoria ram que são utilizados por outros softwares.
O Trojan é uma classe mais especifica de vírus, que tem como intenção principal permitir o acesso de terceiros não autorizados a um determinado sistema, seja através de uma vulnerabilidade nativa, ou seja criando uma conexão entre o atacante e a vitima.


E o tal do worm?

          Worm é um tipo de vírus replicante, que tem o objetivo de infectar uma maquina, e em seguida criar copias de si mesmo e enviar para outras maquinas. A finalidade pode ser das mais variadas.

Fonte: Wikipédia e outras .
Comenta aí pode ser? ()