O mapa de Piri Reis – Fato e ficção.



Fato: Existe mesmo e tem certa precisão. Ficção: Foi feito com ajuda de alienígenas.


       Otomano Muhiddin Piri foi um almirante e cartografo que viveu no século XVI de 1465 * -1554 em Constantinopla e em 1513 cunhou um mapa que segundo os teóricos da conspiração teria uma precisão assombrosa da geografia da Terra, mostrando o continente da Antártida e Groenlândia, lugares até então não descobertos.

* - Carece de fonte fiável.


Fato:


O mapa de Piri Reis mostra a América do sul, América Central  Caribe, apesar de mostrar o caribe como parte do continente e não como ilha,  e uma parte considerável da costa ocidental da Europa e da África, Segundo estudo apontam, esta parte do mapa absorveu informação de cartas náuticas esboçadas por Cristóvão Colombo, e outros mapas anteriores.   


Ficção:

Os teóricos da conspiração (sim, conspiração no singular, mas isso é assunto para outra matéria) afirmam que devido a precisão do mapa, ele só poderia ter sido obtido através de visualização por satélites, ou por óvnis. No entanto, as escalas da costa da America do sul e da África estão bem diferentes, dentre outras discrepâncias encontradas.

A ufologia é uma ciência?

Aliens! Não... Espera!

          Apesar de ser muito interessante, e dar inúmeras ideias para historias de ficção, o mapa em si não tem nada de “incrível” mas trata se de um trabalho extremamente bem feito para sua época, algo sim digno de nota.

Fonte: RevistaGalileu e outras .
Comenta aí pode ser? ()